domingo, 1 de março de 2015

Classic Le Mans - fim das atividades da pré temporada


Com a proximidade da primeira etapa do segundo Classic Le Mans, chegam ao final os treinos preparatórios para o campeonato. As atividades na pista foram intensas e todos que participaram, de alguma forma, tentaram acertar as máquinas e buscaram os melhores tempos na pista da Shelby. Nesta postagem, faremos um resumo dos principais acontecimentos dos treinamentos.

Os destaques

Entres os competidores da categoria PRO, Chico "Lauda" Takahashi iniciou os treinamentos em ótima forma, mas infelizmente não conseguiu manter o ritmo de tempos do seu Matra MS670B. Mesmo assim, continua credenciado a dar trabalho no campeonato.

Talvez o grande favorito da competição seja o Chaparral 2E de Sidney Lombardo, que terminou a primeira edição do Classic Le Mans em alto desempenho. Seus tempos de volta, na pré temporada, continuam muito competitivos.

Rodrigo Barbour foi o último dos PRO´s a colocar sua Ferrari 312PB na pista, após longo tempo de acertos. Sabiamente, o piloto da máquina rossa vem mantendo seus tempos de volta longe da divulgação. Como Ferrari é sempre Ferrari, a tradição em conjunto com a pilotagem de Barbour pode falar mais alto na competição.

A Alfa Romeo T33/3 "cascavel de ouro" vem dando trabalho no acerto ao seu piloto, André Hiebra. Em depoimento ao blog, Hiebra explica que "a Alfa é muito leve. Muito ruim correr sem lastro. Fica muito instável em saída de curva".

Ainda segundo André, "o dedo tem que ser bem leve nas retomadas, caso contrário, pode até pular de fenda, principalmente na saída do curvão". Apesar dos problemas, Hiebra é um competidor forte e não pode ser descartado das disputas por vitórias.

Falando ainda em Alfa Romeo, a T33/3 de Marcelo Jaworski vem realizando uma pré temporada sólida e consistente. A referência de tempo na primeira edição do Classic Le Mans era 08.23. Na última semana, Jaworski, que aposta no equilíbrio do seu protótipo, alcançou a marca de 07.94. A vermelhinha vem forte para a segunda edição do certame.

Para fechar o assunto PRO´s, não vimos a McLaren M8D de Fabricio Macieri, atual campeão, em atividade nos treinos da pré temporada. Macieri aposta todas as suas fichas no seu favoritismo de campeão para andar forte nesta segunda edição do torneio.

Por fim, na categoria AM, os três pilotos vão brigar por duas vagas no grid de largada, uma vez que a pista da Shelby possui oito fendas. A disputa entre os três Ford´s de Alexandre Mello, Jhones Santana e Rodrigo Carelli é uma incógnita, tanto pelo pouco treinamento realizado pelos três quanto pelo ineditismo desta categoria no campeonato.

Seguem os melhores tempos de volta da pré temporada:

1º - Sidney Lombardo (PRO) - Chaparral 2E - 07.85
2º - Marcelo Jaworski (PRO) - Alfa Romeo T33/3 - 07.94
3º - Chico "Lauda" Takahashi (PRO) - Matra MS670B - 07.97
4º - André Hiebra (PRO) - Alfa Romeo T33/3 - 08.00
5º - Rodrigo Barbour (PRO) - Ferrari 312PB - 08.00
6º - Jhones Santana (AM) - Ford MKII - 08.83
7º - Alexandre Mello (AM) - Ford GT40 - 09.29
8º - Rodrigo Carelli (AM) - Ford MKII - 10.92
9º - Fabricio Macieri (PRO) - McLaren M8D - sem tempo

Então é isso. Agora, a disputa será para valer. Encontro marcado para o dia 4 de março, próxima quarta feira, na Shelby, finalmente o início da segunda edição do Classic Le Mans.

Um comentário:

  1. Valeu Carelli pelo ótimo texto! Agora é só acelerar na próxima quarta.

    ResponderExcluir